terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Papel higiênico Grenal

Não é porque eu sou a única a achar uma idéia genial que ela deixa de sê-lo. Talvez o mundo não esteja preparado pra tamanho paradoxo e arrisco a jogar ao vento, pra quem se dispuser a levar isso adiante, o que talvez tivesse sido minha única oportunidade de enriquecer com uma idéia patenteada: o papel-higiênico com os símbolos do inter e do grêmio. Espetáculo remover os resíduos fecais com o time rival; na minha casa, só entraria o papel-higiênico do inter. Torcedores sem a malícia desse jogo sujo não conceberiam a permanência de um símbolo intruso em seus lares e só consumiriam o papel-higiênico do próprio time, assim como aqueles atentos somente à compra de artigos que desse retorno financeiro ao clube do coração. Quanto aos assessores de marketing da dupla grenal, esses estudariam tal proposta de risco confusos, receosos ou sem levá-la a sério. Eu acharia linda toda essa nossa dúvida, o business tem que passar por isso.

3 comentários:

r u m b e r o disse...

e se um dia, num lugar qualquer em que há muito mais adeptos de um time do que do outro, acaba o stock de papel de um dos times e não há nenhum papel 'neutro'?! é o caos geral..!! ;)
mas aí aposto que muitos iriam fazer vários km ou quadras para encontrar o seu tão cobiçado papel, independentemente da aflição!

carilevi disse...

juventude, no caso!

a historia eh polemica e apoio a confusao!! ideia genial.
no meu caso, compraria so papel higienico do inter e deixaria no quarto pra assoar o nariz, talvez..
desculpe, mas papel do gremio.. nao serve nem pra lavar a bunda.

Carol disse...

great idea, honey.